Ajude-nos!

Administrar a Igreja Evangélica Santo dos Santos é um trabalho muito intenso e abençoado, porém não deixa de ser complicado e difícil, temos contas e compromissos como em qualquer outro trabalho. E, por isso pedimos que colabore com R$ 10,00 ou mais se puder.

sexta-feira, 1 de julho de 2016

Islã inicia oficialmente processo de "Conquista do Brasil" rumo à Sharia

O Alcorão prega a violência contra o Cristianismo, o Hinduísmo, Budismo,
Xintoísmo, Sikhismo, Espiritismo, Ateísmo... Como é que o Islã pode
desejar ser "a terceira maior religião do Brasil", se eles não praticam
a tolerância em relação às outras? Se quando os muçulmanos são a maioria
num país, a liberdade de expressão e da prática de outros cultos é
censurada? Não deveríamos interpretar que a proposta de "terceira maior
religião" é apenas uma cortina de fumaça para angariar novos adeptos e
implantar a Sharia no país?

ESTRATÉGIAS DA HÉGIRA DA CONQUISTA

HÉGIRA (migração muçulmana):
É uma tática tradicional de ocupação pacífica, na qual a comunidade
Kafir tem a falsa sensação de que os primeiros imigrantes não são uma
ameaça, pelo menos até que a comunidade muçulmana tenha ganhado força.

TAYSIR:
Permite ensinar fórmulas falsas do Islã em terras estrangeiras, ou
ignorar os princípios mais rígidos da Sharia, como uma versão "light" do
Islã - para facilitar sua observância pelos novatos - que mais tarde
serão endurecidos.

MURUNA:
É a suspensão temporária da SHARIA, a fim de que os imigrantes
muçulmanos pareçam "moderados".

HUDNA:
É uma trégua temporária (muitas vezes entendida como "paz" pelo kafir),
que os muçulmanos podem quebrar a qualquer momento, quando se tornar
estrategicamente vantajoso. É geralmente para fins de armamento e
reagrupamento (ver as ondas de ataques dos palestinos a Israel).

AL‐WALA' WA'L‐BARA':
Esta é a convocação geral – uma conclamação aos muçulmanos para se
unirem (incluindo os terroristas) e se ajudarem contra os não
muçulmanos. A ordem para todos é evitar se opor à Jihad, incluindo
participar no esforço de guerra aos não muçulmanos.

26/10/2015 - Marcos Paulo Goes, Bacharel em Publicidade, Tv e Rádio,
cursou também teologia. Nascido em lar cristão, é evangelista,
conferencista, ativista profético, músico, e atua servindo um ministério
local de libertação e evangelismo na periferia de São Paulo desde 1993.
Estuda sobre escatologia e Nova Ordem Mundial há 20 anos. Obedeceu ao
chamado de Deus e fundou o Ministério Libertar, onde desde 2004, tem
levado uma mensagem de conserto e conversão por meio da simplicidade do
evangelho de Cristo. Desde 2010 é também CEO do Site Libertar

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=7oPe2vHlsg0=youtu.be]
-libertar.in/2015/10/atencao-isla-inicia-oficialmente.html QRCode